domingo, 14 de junho de 2015

EXPLORAÇÃO DE TRABALHADOR TEM NOME!



EXPLORAÇÃO DE TRABALHADOR
AGORA TEM NOME E LOGOMARCA

A empresa JBS-Friboi, responsável pelas marcas Friboi e Seara, viram-se em uma saia-justa depois que os funcionários criaram uma campanha virtual para reivindicar seus direitos. Líderes sindicais utilizaram uma paródia da premiada propaganda “Carne tem nome – Friboi”, estrelada pelo ator Tony Ramos, para chamar a atenção para a causa.
A estratégia deu certo. Depois que o vídeo viralizou, principalmente por meio do aplicativo WhatsApp, a gigante se reuniu com entidades que representam os trabalhadores e decidiu atender ao menos uma de suas principais reivindicações por enquanto, a de reduzir o valor do plano de saúde de R$ 111 para R$ 45 por mês.
A mudança gerou o custo para a empresa de cerca de R$ 3,6 milhões mensais, ou seja, R$ 43,5 milhões ao ano. É menos do que a JBS doou nas eleições do ano passado. Segundo o Tribunal Superior Eleitoral, a empresa injetou R$ 366,8 milhões em campanhas políticas de dezenas de candidatos, conforme sugere a denúncia feita pelo vídeo. Assista a seguir.
Postar um comentário